Como surgiu a ideia do Jubileu da Misericórdia? Papa responde em nova...

Como surgiu a ideia do Jubileu da Misericórdia? Papa responde em nova entrevista

VATICANO, 18 Nov. 16 / 01:00 pm (ACI).- Em uma entrevista publicada hoje no jornal ‘Avvenire’, dos bispos italianos, o Papa Francisco explicou como surgiu a ideia do Jubileu da Misericórdia, sob a inspiração do Espírito Santo.

“Simplesmente fiz aquilo que o Espírito Santo me inspirava”, disse o Santo Padre e assinalou que “se trata somente ser dócil ao Espírito Santo, deixando que Ele faça”.

“A Igreja é o Evangelho, é a obra de Jesus Cristo, e na Igreja as coisas entram no momento adequado”, indicou.

O Ano da Misericórdia foi inaugurado em 8 de dezembro de 2015 e terminará no dia 20 de novembro, com o fechamento da Porta Santa da Basílica de São Pedro, no Vaticano.

O Pontífice disse também que espera que este Ano da Misericórdia tenha permitido “que muitas pessoas descubram que Jesus as ama muito e que se deixem abraçar por Ele”.

“A misericórdia é o nome de Deus e também a sua fraqueza, seu ponto fraco”.

Para o Santo Padre, o Ano da Misericórdia “foi um processo que amadureceu com o passar do tempo por obra do Espírito Santo” desde o Concílio Vaticano II.

Neste sentido, o Papa indicou que a Igreja existe “como instrumento para comunicar aos homens a figura misericordiosa de Deus”.

“No Concílio, a Igreja sentiu a responsabilidade de estar no mundo como um sinal vivo do amor do Pai”.

Francisco destacou também que ao menos um século deve passar para que o corpo da Igreja absorva bem os frutos de um Concílio e assinalou que “estamos na metade do tempo” depois do Vaticano II, concluído em 1965.

Em seguida, o Santo Padre se referiu a Lumen gentium, uma das quatro constituições promulgadas durante o Concílio Vaticano II, e assinalou que, com ela, a Igreja “ressalta as fontes da sua natureza: o Evangelho”.

Deste modo, disse, “move-se o eixo da concepção cristã de um certo legalismo, que pode ser ideológico, à pessoa de Deus, que se tornou misericórdia por meio da encarnação do seu Filho”.

Fonte: ACI Digital

Sem comentários

Faça seu comentário

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.