Tags Posts tagged with "Sinal da cruz"

Sinal da cruz

Uma maneira rápida de se conectar profundamente com Deus

De forma solene, sem pressa, e com a maior devoção e respeito:
† Pelo sinal da Santa Cruz
† Livrai-nos Deus, Nosso Senhor
† Dos nossos inimigos
† Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém!
QUANDO ACORDAR
Acordar e fazer o sinal da Cruz, oferecer o coração a Deus, dizendo: “Meu Deus, eu vos dou o meu coração e a minha alma.” Também lembrando que aquele dia pode ser o último da nossa vida”. (Catecismo de São Pio X. 969-970)
QUANDO FOR DORMIR
Antes de adormecer, fazer o sinal da Cruz, pensando que se pode morrer naquela noite, e oferecer o coração a Deus, dizendo: “Meu Senhor e meu Deus, eu vos dou todo o meu coração. Trindade Santíssima, concedei-me a graça de bem viver e de bem morrer. Jesus, Maria e José eu Vos encomendo a minha alma”. (Catecismo de São Pio X. 982)
Caso tenha pesadelos recorrentes, fazer o sinal da cruz com água benta, e pedir a intercessão do anjo da guarda para que vele nosso descanso.
ANTES E DEPOIS DAS REFEIÇÕES
Antes da refeição convém fazer o sinal da Cruz, estando de pé, e dizer com devoção: “Senhor, abençoai-nos a nós e ao alimento que vamos tomar, para nos conservarmos no vosso santo serviço”. (Catecismo de São Pio X. 975)
Depois da refeição, convém fazer o sinal da Cruz, e dizer: “Senhor, eu vos dou graças pelo alimento que me destes; fazei-me digno de participar da mesa celeste”. (Catecismo de São Pio X. 976)
AO PASSAR POR UMA IGREJA
Fazer o sinal da cruz por respeito a Nosso Senhor Jesus que está presente no sacrário.
Também se deve fazer pois assim professamos publicamente nossa fé.
AO PASSAR POR UM CEMITÉRIO
Se faz o sinal da cruz pedindo a misericórdia pelas almas que estão no purgatório, e para lembrar que um dia também nós morreremos, e portanto devemos sempre buscar os caminhos de Deus.
AO SER TENTADO
Quando nos vemos atormentados por alguma tentação, devemos fazer o sinal da Cruz, evitando porém que as outras pessoas, pelos sinais externos, suspeitem da tentação. (Catecismo de São Pio X. 977)
SAINDO OU CHEGANDO
Ao sair de casa para pedir que Nosso Senhor guie nossos caminhos, evitando todo tipo de mal físico ou espiritual
Ao chegar, como agradecimento por nos ter livrado de tantos males que nem sequer imaginamos.
AO PASSAR POR UM ACIDENTE
Fazer o sinal da cruz ao passar por um acidente para que Nosso Senhor conceda a saúde aos que se machucaram, ou conceda descanso aos que faleceram.NA MISSA

Durante a Santa Missa, o sinal da cruz tem um significado litúrgico. É feito antes da proclamação do Evangelho.
A cruz na testa lembra que o Evangelho deve ser entendido, estudado, conhecido. Nos lábios, lembra que o Evangelho deve ser proclamado, anunciado. No peito, à altura do coração, nos indica que o Evangelho deve ser vivido (cf. ”Os Sacramentos” – Prof. Felipe Aquino)
Fonte: https://pt.aleteia.org/

O “sinal da cruz” é uma verdadeira e poderosa oração: faça-o e se recorde de Quem habita dentro de ti

No dia do nosso Batismo, o ministro diz: “Eu te batizo em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo”. Nesse momento a Trindade divina começa a habitar em nós.

É o próprio nome de Deus que recordamos toda vez que fazemos em nós mesmos o sinal da cruz, explicava Bento XVI em um discurso sobre Santíssima Trindade.

“Fazemo-lo antes da oração, para que… nos ponha espiritualmente em ordem; concentre em Deus pensamentos, coração e vontade; depois a oração, para que permaneça em nós o que Deus nos doou… Ele abraça todo o ser, corpo e alma,… e tudo se torna consagrado em nome do Deus uno e trino”, dizia o teólogo Romano Guardini.

“No sinal da cruz e no nome do Deus vivente está portanto contido o anúncio que gera a fé e inspira a oração”, escreveu Bento XVI.

O papa emérito indicava ainda que fizéssemos nossa esta oração de Santo Ilário de Poitiers:

“Conserva incontaminada esta fé reta que está em mim e, até ao meu último respiro, dá-me igualmente esta voz da minha consciência, para que eu permaneça sempre fiel ao que professei na minha regeneração, quando fui batizado no Pai, no Filho e no Espírito Santo”.

Faça o sinal da cruz, acalme-se, ordene-se espiritualmente e concentre em Deus os seus pensamentos, o seu coração, seus sofrimentos e dificuldades. E então peça a proteção da Santíssima Trindade para prosseguir bem o seu dia.

† Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém! – a ser deve ser feito com a maior reverência, consciência, fé e amor, pois expressa nossa fé no Mistério da Santíssima Trindade, cerne da fé cristã, Deus em si mesmo. Deve ser feito com a mão direita, levando-a da testa à barriga, e do ombro esquerdo ao direito.

Fonte: https://pt.aleteia.org/

 

Galeria de Fotos