Pe. Zezinho aos arrogantes: “Não se achem maiores que os outros!”





“Quem pensa que é o máximo deveria curvar-se todos os dias até o chão por escolha própria, antes que a vida o dobre e humilhe”

 

 

 

Via rede social, o pe. Zezinho comentou sobre as pessoas humildes e aquelas que se acham melhores que as outras:

 

PESSOA HUMILDE tem a ver com HUMO: CHÃO. Curva-se até o chão se for preciso para criar paz. Não se acha maior do que os outros, reconhece a autoridade do outro, aceita que os outros têm valores com os quais pode aprender, porque, de fato, alguns são melhores do que ele!

Jesus diz que esta pessoa é candidata à felicidade. Não é ser “capacho”. É ser “capaz” de criar paz!

Mas quem se exalta acima dos outros e proclama que todos, no máximo, empatam com ele… e proclama, para quem quiser ouvir, que ninguém é maior do que ele e que chegou lá por mérito próprio, estamos diante de pessoa incapaz de alteridade! O outro está sempre abaixo dele. Faz isto e vive isto. Nem é preciso lembrar os ditadores do século XX.

E não pense apenas em políticos deste ou daquele partido; pense em religiosos e pregadores, pseudofilósofos e artistas e gente famosa cuja fama subiu à cabeça!

Quem pensa que é o máximo deveria curvar-se todos os dias até o chão por escolha própria, antes que a vida o dobre e humilhe como aconteceu com o vaidoso rei Salomão! Terminou seus dias negando tudo o que construíra e ensinara! Se um dia fora sábio, terminou como besta quadrada!

Fonte: Aleteia Brasil / pt.aleteia.org