Franciscano de 96 anos morre antes da Missa em dia de São Francisco





Legado de trabalho e fé: o frade completou a sua missão e partiu desta vida em pleno dia do santo fundador da sua ordem

 

 

Legado de trabalho e fé: foi assim que a cidade de Pato Branco, no Paraná, resumiu a trajetória do frei Policarpo Berri. O franciscano de 96 anos faleceu em pleno dia de São Francisco de Assis, fundador da sua ordem religiosa.

O frade quase centenário partiu desta vida enquanto se preparava para celebrar a Santa Missa na paróquia São Pedro Apóstolo, em Pato Branco. Ele sofria de problemas cardíacos. No entanto, a diocese de Palmas-Francisco Beltrão não confirmou se o falecimento do frade decorreu deste quadro de saúde.

A Câmara Municipal de Pato Branco divulgou uma nota de pesar. O texto, aliás, contém um belo depoimento sobre o frade e seu legado à cidade paranaense:

 

“Mais que desempenhar o seu trabalho como pároco, ele abraçou sua vocação como homem e como franciscano. E, por meio de seu trabalho e de sua fé, construiu um legado que se mesclou com a história de Pato Branco.

Dos seus 70 anos de sacerdócio, 64 foram vividos nesta cidade. Frei Policarpo nos deixou aos 96 anos de idade, no dia de São Francisco de Assis. E levou consigo a certeza de ter recebido o reconhecimento pelos seus feitos, seja pelo carinho das pessoas ou pelas inúmeras homenagens”.

 

Que o frei Policarpo descanse em paz!

Fonte: Francisco Vêneto / pt.aleteia.org