Nossa Senhora dos Rins e a devoção de um menino que pede uma graça





Daniel tem 13 anos e um carinho especial pela Virgem Santíssima, a quem confia o sucesso do seu futuro transplante renal

 

 

Nossa Senhora dos Rins e a devoção de um menino que pede a graça da cura – ao mesmo tempo em que põe as mãos na massa, pintando quadros de santos para custear seu tratamento renal. Esta é a história tocante do pequeno Daniel Neves, de 13 anos, que começou a repercutir recentemente nas redes sociais.

Daniel, de fato, está na fila de espera por um transplante de rins, e, enquanto isso, precisa arcar com os altos custos de seu tratamento e do dia-a-dia em casa.

Aos 8 meses de idade, Daniel foi diagnosticado com rins policísticos, fibrose hepática e disfunções no baço, que se agravaram com o tempo. O menino mora em Salvador, na Bahia, mas, a cada 3 meses, precisa viajar com sua mãe, Cleide Neves, até São Paulo, onde é feito o tratamento. O governo disponibiliza as passagens de ida e volta, mas a família precisa bancar os custos de locomoção entre hospitais na capital paulista, assim como de alimentação durante as permanências na cidade.

Devido à necessidade de se dedicar aos cuidados de Daniel, Cleide não pode trabalhar. Mãe e filho vivem de um benefício concedido a Daniel e da pequena pensão que é paga pelo pai do menino. Entretanto, o governo não cobre os custos dos muitos medicamentos e curativos de que Daniel precisa.

 

Nossa Senhora dos Rins e a devoção de um menino que pede a graça da cura

Em vez de se vitimizar, porém, Daniel foi à luta! Aos 13 anos, ele está pintando quadros de inspiração católica para angariar os fundos de que ele e sua mãe precisam. O menino até criou um novo “título” para a Santíssima Virgem: Nossa Senhora dos Rins! Ele tem fé de que a Mãe de Deus o protegerá no transplante.

A venda dos quadros, porém, não gera retorno suficiente para cobrir todos os custos do tratamento. Por isso, Daniel também recorreu à plataforma VOAA, focada em financiamentos coletivos. Em sua apresentação, o bravo guerreiro conta:

 

“Oi, eu sou o Daniel, tenho 13 anos e uma doença bem grave. Aprendi a pintar durante o tempo que passo no hospital, mas o valor que consigo vendendo minhas telas não é suficiente para meu tratamento. Preciso muito de ajuda”.

 

 

Fé, trabalho e generosidade

A descrição sobre o quadro de saúde de Daniel informa:

 

“Por sofrer de graves problemas de saúde, o pequeno Daniel Neves de 13 anos vive praticamente dentro de um hospital. Para que o tempo internado passasse mais rápido, ele começou a pintar lindas telas que hoje são vendidas por um preço simbólico para pagar seu tratamento. Muitos dos quadros que ele pinta são imagens de santas e santos católicos. Daniel até criou a imagem de uma santa: Nossa Senhora dos Rins. Ele acredita que a santa irá protegê-lo no transplante renal”.

 

A meta de arrecadação na plataforma, aliás, era de R$ 50 mil, mas, graças a Deus e à generosidade de muitas pessoas, os donativos bateram a meta e a superaram de longe: Daniel conseguiu mais de R$ 200 mil em doações.

 

Primeira Comunhão

A fé e o amor do menino por Deus já vinham sendo compartilhados desde antes. Em setembro de 2019, por exemplo, Daniel divulgou algumas fotos da sua Primeira Comunhão, fazendo questão de dividir também a emoção daquela ocasião ímpar na vida de todo católico.

Que, por intercessão de Nossa Senhora, Deus conceda a Daniel e à sua família todas as graças de que necessitam!

Fonte: Francisco Vêneto / pt.aleteia.org